O Guardião

Sou sombra, sou até luar...Ave na paisagem que te faz brilhar...Sou miragem, diante do teu olhar!

Áudios

A LOBA...
Data: 21/09/2007
Créditos:
A LOBA..

Sou o Guardião. Compus o poema que foi lido de forma tão singela por uma Loba, em forma de mulher. Uma feiticeira que conspira nas madrugadas e faz o Universo inteiro aos seus pés se ajoelhar. Ela é como um espelho que não me atrevo a olhar.
Homenagem a Daniela Stabeli Diehl!


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras