O Guardião

Sou sombra, sou até luar...Ave na paisagem que te faz brilhar...Sou miragem, diante do teu olhar!

Textos


Esquecer de mim!!!
 
Traços-Rabiscos, teu contorno
Faz-me lembrar do mapa do destino
Jornada que não chega ao fim
Trajado que estou Eu, Ladrão-Corsário
Sou naufrago lançado aos sete mares
Gritando o teu chamar...Volta pra mim
 
Versos daquilo que por ti tracei
Punhado de rabiscos a me enfeitiçar
Rastros-pegadas, solo profano
Cenário de um destino sem caminho
Farpas em trilhas, o meu inferno astral
Cravadas no meu peito por engano
 
Tentando o teu sinistro desbravar
Meus laços e os teus desembaraços
Guardou-te a noite, só pra me afastar
Cetro de fogo que forjou magia
Calou-te em mil beijos, puros cortejos
No caro preço por te desejar
 
Prostrar-me ao chão na incerteza
Usar dos três desejos, somente um
De ver você deitada em meu Jardim
E o delicado vento a te tocar
Ciente de que um dia, entre as estrelas
Imersa em transe...Vai gritar o fim

E Esquecer de mim

 

 
O Guardião
Enviado por O Guardião em 11/12/2014
Alterado em 18/06/2015

Música: 14331-foolish-beat-debbie-gibson--1411567881 - Desconhecido



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras